terça-feira, 11 de setembro de 2012

YAHWEH SHAMMAH - Ezequiel 45-48

Estamos concluindo o livro de Ezequiel. E aí, você está lendo direitinho o livro de Ezequiel? O que achou?


Bem, espero que você tenha gostado daquilo que presenciamos: um conflito, um trauma, que é uma barreira de distância entre Deus e Seu povo causada pela de rebelião do próprio povo. Mas vejamos como esse livro termina.

As palavras finais do livro de Ezequiel renomeiam a cidade. Elas dão um novo nome para a cidade, que é “Yahweh Shammah”, cujo significado é “O Senhor está aqui”. Bonito, não é mesmo? Esse era o final grandioso, tanto do livro de Ezequiel, quanto do ministério dele. Ele tinha passado 25 anos no exílio. Durante todo esse tempo e no decurso dos 48 capítulos desse livro que ele escreveu, os quais acabamos de ler, Ezequiel estava cansado de ver o Senhor se retirando do Seu templo por causa dos pecados que estavam sendo cometidos ali.

Ele tinha se encontrado com Deus perto das águas da Babilônia, na visão do trono-móvel, algo como um carro-trono. Ele também tinha prometido aos exilados que quando Deus estivesse de volta com o povo dEle, para sempre, então haveria uma nova aliança, assim como Ezequiel viu em visões simbólicas. Ele viu o templo e o Israel futuro. A promessa era que agora, finalmente, o Senhor estaria com o Seu povo.

Para o profeta, o clímax havia sido atingido. Para que melhor? Mas tinha um detalhe: isso era só em visão. Muitos anos, séculos depois, o apóstolo João, exilado na ilha de Patmos, viu as palavras do Ezequiel cumpridas na vinda de Cristo, afinal, Jesus tinha vindo como Emanuel, “Deus conosco”.

Um outro cumprimento dessas palavras irão se cumprir depois que Jesus voltar, no dia em que uma grande voz será ouvida, vinda do trono, dizendo: “Agora o tabernáculo de Deus está com os homens, com os quais ele viverá. Eles serão o seus povo; o próprio Deus estará com eles e será o seu Deus” (Apocalipse 21:3). A compreensão é essa: a glória do céu é o cumprimento final e pleno de tudo que vemos no fim do livro de Ezequiel.

Então, é para esse grande clímax que todos nós, que lemos o livro de Ezequiel, somos levados ou devemos ser levados. Portanto, prepare-se para encontrar-se com o seu Deus, em duas instâncias. Primeiro, através da sua comunhão diária com Ele. Isso já estará preparando você para, também, se encontrar com Deus na eternidade. Então, o que precisamos é agir, recebendo a revelação dEle.

Para tanto, leia a Bíblia e conte aos outros o que Ele tem feito! Conte ao mundo sobre a volta de Jesus!

Um abraço,
 
Pr. Valdeci Jr.
e
Fátima Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quer dizer o que pensa sobre o assunto?
Então, escreva aí. Fique à vontade.
Mas lembre-se: não aceitamos comentários anônimos.
Agora, se quiser fazer uma pergunta, escreva para nasaladopastor@hotmail.com