quinta-feira, 28 de março de 2013

SAUL PROFETIZOU NU? - 1Samuel 17-19


Da mesma forma que ontem, hoje também quero explicar uma passagem bíblica de difícil interpretação. Uma ouvinte da nossa rádio, que está acostumada a ouvir nosso serviço de áudio, nos escreveu lá de Jandaia do Sul, PR, para fazer uma pergunta pertinente a uma passagem bíblica que está na leitura de hoje. Eis a questão:
“Gostaria que me explicassem a mensagem do capítulo 19:l9-24 de 1Samuel. O que quer dizer o rei ir profetizando por todo o caminho e chegando na casa dos profetas, tirou a roupa e profetizou o dia inteiro e a noite inteira? O que significa o fato de ele ter ficado nu?”
Responderei a pergunta dela aqui, porque esse pode ser o questionamento de outras pessoas também. E é um prazer esclarecer as dúvidas dos amigos e irmãos que sejam participantes desse nosso ministério de comentários bíblicos.
Essa pessoa questiona sobre algo realmente curioso, mas não tão problemático. O primeiro passo para entender essa passagem é lê-la em pelo menos cinco versões diferentes da Bíblia. E aqui, há alguns preâmbulos dos quais não podemos nos esquecer:
1. A casa dos profetas era o seminário da época.
O comentário bíblico SDABC nos explica que a expressão original hebraica pode indicar vários modos, como: maltrapilho, vestido de maneira pobre, vestido com uma só roupa ou tendo tirado o manto. Essas diferentes formas de traduzir o mesmo termo original estão em nossas versões para a língua portuguesa nas seguintes passagens: (Jó 1:21; 22: 6; 24: 7, 10; Isaías 58:7; 20:2).
2. “Tirar a roupa” pode não significar “tirar TODA a roupa”.
Pelo costume da época e o contexto da narração, é muito provável que Saul tenha tirado o seu manto real e permanecido somente com sua roupa comum. Existia a túnica interna que era uma prenda interior usada somente dentro de casa. Na rua, o manto exterior ou a capa era apenas jogado por cima. Despojado de seu manto real, talvez Saul ficou vestido à semelhança de um dos alunos da escola dos profetas.
Nessa ocasião, é provável que o Espírito Santo tenha se apossado de Saul, pessoalmente, pela última vez. A história dele nos mostra o fato de que se alguém é um representante de Deus hoje, não significa ter, para sempre garantida, sua salvação. E é exatamente por isso que devemos vigiar e orar sempre, pois enquanto vivermos aqui, estaremos correndo o risco da apostasia.
Mas em Cristo podemos todas as coisas! Portanto, apelo a você para que estude a Bíblia por dois motivos: para que cresça em informações e no relacionamento para com seu bondoso e cuidadoso Deus. Você será o beneficiado!



Valdeci Júnior
Fátima Silva

3 comentários:

  1. Nossa cultura demoniza a nudez, por isto o espanto diante de relatos bíblicos onde ela aparece, levantando interrogações e curiosidades. A grande verdade é que nem sempre foi assim, a nudez não está vinculada só ao contexto da sexualidade. O Senhor ordenou a Isaías para que andasse nu e descalço por 3 anos (Isa. 20:2-3) ; Jesus foi crucificado totalmente nu.Em nenhum destes casos o contexto foi sensual.

    ResponderExcluir
  2. É um dilema a tradução bíblica, não entendo o que isso nos revela espiritualmente o fato dessa nudez, o que eu foco e entendo que Saul teve mais uma experiência com Deus e não se arrependeu se pontuarmos outra curiozidade o que profetizavam falavam o que e para que ai fica Dt.29:29.

    ResponderExcluir

Quer dizer o que pensa sobre o assunto?
Então, escreva aí. Fique à vontade.
Mas lembre-se: não aceitamos comentários anônimos.
Agora, se quiser fazer uma pergunta, escreva para nasaladopastor@hotmail.com